09 dezembro 2016

Qual é a vossa preferência?


Segunda-feira logo saberemos, mas quem gostariam que nos saísse no sorteiro?



O Leicester campeão inglês? O Atlético de Madrid de Simeone? O Mónaco de Bernardo Silva? O Barcelona do trio maravilha (Messi-Suárez-Neymar)? A Juventus pentacampeã italiana? O Arsenal de Wenger? Ou o Borussia de Dortmund de Tuchel? Não deixem de responder via sondagem no topo deste blogue.

A poder escolher uma, escolheria o Arsenal. Os arsenalistas estão a discutir a liderança da Premier League inglesa, num campeonato onde o Chelsea sem estar nas competições europeias este ano poderá ter vantagem doméstica. Logo, no encontro da Champions, Wenger poderá ter que apresentar uma equipa que não seja a melhor deles. Por outro lado, sendo uma equipa inglesa de grande relevo, poderá ser uma óptima montra para os jogadores do Benfica. Mas, como não são uma equipa constante e completa, apresentam imensas lacunas, que podemos aproveitar. Aliás, este é o candidato ideal para a equipa de Rui Vitória se superiorizar-se. Todas as outras apresentam riscos maiores.

36 comentários:

  1. para mim o leicester arsenal monaco nesta ordem, o leicester e uma equipa bem ao alcance do benfica, o arsenal e como dizes tembastantes problemas naquela defesa e dos tubaroes e o melhor para nos, o monaco e forte e tem um grande treinador mas tb e ao nivel do benfica em qualidade

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não escolhi o Leicester, porque eles vão dar tudo nesta competição. O Arsenal para estar na luta pelo título inglês vai ter que gerir melhor o plantel na LC e é aí que teremos uma vantagem. Depois poderá servir de montra para o futebol inglês dos nossos jogadores.

      Eliminar
    2. Vão dar tudo, mas será que o tudo deles chega para o nosso? Eu espero bem que não.

      Eliminar
    3. Compreendo o teu argumento, PP. Além de que com o Arsenal não teriamos uma certa "obrigação" de passar (pelo menos junto da Comunicação Social portuguesa e de grande parte dos nossos adeptos) ao contrário do que pode acontecer com o Leicester e com o Monaco, e em caso de passagem o Benfica andaria nas bocas do mundo.

      Eliminar
    4. Se contra o Mónaco teremos uma certa obrigação de passar, a comunicação social anda desfazada da realidade.

      Do lote, considerando plantel e organização, acho que a seguir aos clubes portugueses todos querem o Leicester.

      Eliminar
    5. É aqui que reside o problema. A Ccomunicação social e alguns adeptos arrastados na conversa criavam um certo facilitismo onde na realidade não existe. E em caso de eliminação era ver capas de jornais a falar em "fracasso".

      Eliminar
    6. Barcelona. Porquê? Quero ganhar à Benfica e não porto corrupção (contra Mónacos e afins).
      Quero que o Benfica mostre à Europa do futebol que é um grande clube e não ganha contra equipas teoricamente mais fracas.
      Para mim era assim:
      oitavos - Barcelona
      quartos - Juventus
      meias - Borussia Dortmund
      final - Bayern

      Mas isto sou eu que acredito muito, ou demais!

      Obrigado e Saudações!

      Eliminar
    7. Michael Krueger, essa caminhada seria épica. 😉

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. O Sevilla não pode. Foi segundo classificado no grupo da Juventus.

      Eliminar
    2. Batigol, é verdade o que o Kamikaze escreveu. O Sevilla não está para o nosso grupo. Assim como o PSG... 😉

      Eliminar
  4. Barcelona,mostrar aos espanhois com quantos paus se constroi uma canoa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Secretamente gostava... e se fosse neste momento, se calhar até tínhamos as nossas hipóteses, mas daqui a 2 meses... ;)

      Eliminar
  5. Os ingleses e depois o Mónaco. Nos quartos, (se lá chegarmos), algum destes que tenha "sobrevivido" ou então a Juventus. Nas meias, (também se lá chegarmos), o PSG se ainda estiver em prova. Resumindo, todos menos os alemães e os ingleses, a não ser quando já não houverem mais hipóteses.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu diria, todos menos os espanhóis. O nosso histórico com os "nuestros hermanos" é penoso. Assim de repente lembro-me das vitórias ao Real e ao Barça nas finais da TCE, dos 5-1 ao Real em 1965, da vitória ao Betis na Taça Uefa de 1982/83 e da vitória no Calderon o ano passado (mas o Simeone já está prevenido para este ano). Das muitas outras vezes que jogámos oficialmente com eles perdemos sempre ou quase sempre.

      Eliminar
    2. E dessas vitórias o Coluna já não joga. Nem o Eusébio...

      Eliminar
    3. Entre o Mónaco e o PSG, preferia o segundo. Não só são neste momento menos equipa que os monegascos, como preferia jogar em Paris. Mais, ainda acalento o sonho do Bernardo jogar pela primeira vez no estádio da Luz com a camisola principal do Glorioso e não com a de um adversário.

      😉

      Eliminar
  6. Todos menos o Barcelona e a Juventus. E preferia mesmo o Arsenal.

    ResponderEliminar
  7. 1 - Leicester
    2 - Monaco
    3 - Arsenal
    4 - Juventus
    5 - Dortmund
    6 - Atl.Madrid
    7 - Barcelona

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 3
      1
      2
      4
      5
      6
      7

      Seria então a minha chave de preferência.

      😉

      Eliminar
  8. Leicester, Arsenal ou Monaco. A outras 4 ficam para outra ocasião.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade. Essas são as três mais consensuais. 😉

      Eliminar
  9. Com o pisi a oito qualquer um nos elimina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A culpa agora é do Pizzi... ora bolas.

      Eliminar
  10. Deixem-me dar uma de LFV quando tinha JJ como fiel escudeiro !... "Quem vier morre" !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah! Ah! Ah! Mas, é mesmo esse o espírito artnis! ;)

      Eliminar
    2. Uma pequena correção: LFV disse isso em 2006 antes de nos calhar em sorteio o Liverpool (campeão europeu) que eliminámos brilhantemente. O nosso treinador era portanto o Koeman.

      Mas é uma frase que espelha bem o sentimento confiante com que devemos olhar para os nossos adversários, seja o Real Massamá ou o Barcelona.

      Eliminar
    3. Btw, quem é que queria mesmo que fosse o Leicester o nosso adversário?

      Leicester 4 - 2 Manchester City!

      :D

      Eliminar
    4. 2 palavras: orgulho ferido.
      Ainda para mais quando os elementos principais da equipa foram poupados na visita (literalmente:)) a Portugal.

      PS: Nunca pensei que Vardy e Slimani juntos no ataque funcionariam tão bem.

      Eliminar
    5. Kamikaze, o segredo está na mobilidade, intensidade, agressividade e ambição. Eu gosto imenso como o Ranieri coloca os seus falsos extremos a criarem jogadas para os dois avançados jogarem.

      Para os críticos que dizem que o Guedes e o Raúl não podem formar uma dupla produtiva, que ponham os olhos à forma de jogar do Leicester.

      ;)

      Eliminar
    6. Bem visto.

      O Guedes, com um pouco mais de maturidade e noção tática, e o Jimenez em boa forma podem fazer estragos a muitas defesas.

      Recordo ainda que já tivemos no Benfica uma dupla atacante mais móvel, embora, lá está, com maior maturidade. Quem não se lembra da produtividade de Lima e Rodrigo no Benfica 13/14?

      Eliminar